ACADÉMICOS CHORAM MORTE DE AMURANE

Por: Florêncio Alfredo

Intelectuais em Nampula dizem não haver vontade por parte das instituições da justiça na investigação da morte do antigo Presidente do Conselho Municipal, Mahamudo Amurane ocorrido a 04 de Outubro de 2017.

Alguns deles, que falaram a Rádio Encontro na última sexta-feira (01/11), foram unânimes em afirmar que “além da celebração do dia da paz em Moçambique, o dia 04 de Outubro é considerado pelos Macuas como uma data da perda de uma figura incontornável que fez tudo para Nampula brilhar”.

As nossas fontes disseram que “a paz é um bem para todos e não se deve trocar com as violências como acontece na Província de Cabo Delgado”. Acrescentaram pedindo as instituições competentes para a investigação de crimes para revelar os malfeitores, não só no caso do Amurane mas também doutros que não foram conhecidos.

Recorde-se que Mahamudo Amurane foi barbaramente assassinado a 04 de Outubro de 2017 na sua residência particular no bairro de Namutequeliwa, arredores da cidade de Nampula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *