Antigo mercado dos Belenenses transformou-se em Califórnia e terra sem lei


Por Elísio João
As ruinas do antigo mercado dos Belenenses, arredores da cidade de Nampula, transformou-se em Califórnia, terra sem Lei, nos últimos dias.
Os Jovens vindos de vários bairros desta cidade e de diferentes raças cruzam caminhos ali, para o consumo de drogas, como se naquele recinto fosse uma Ilha, onde a Lei moçambicana não funciona.
Antigamente aquelas ruinas funcionavam como barracas para venda de bebidas alcoólicas ou como mercearias.
Me recordo, há dez anos, quando passei a noite de transição de ano naquele recinto, com muitas barracas abertas e ao som da música rememba, a noite foi curta e já estavamos no outro ano.
Naquele dia, não vi ninguém a se injetar de Heroína ou a consumir Soruma.
Esta semana visitei as poucas barracas em funcionamento no antigo mercado dos Belenenses. Para a minha surpresa, assisti jovens a entrarem e a saírem de uma barraca meio abandonada, num ambiente que deu para desconfiar.
Perguntei ao meu companheiro, que sempre frequenta naquele local, qual era o assunto naquela barraca abandonada.
A resposta não tardou “Ali é na Califórnia, terra sem lei. Veja como é que os Jovens entram e como saem”.
Na verdade, vi que os Jovens entravam conscientes e voltavam drogados. Olhos vivos e vermelhos, Veias levantadas, o estilo de andar diferente e o corpo molhado de suor.
Estavam a se injetar de Heroína e a consumir estupefacientes.
“Isso é assim todos os dias, sob um olhar negligente das autoridades policiais” – disse o meu companheiro.
Notei que há vestígios na entrada da barraca abandonada. Seringas usadas, pedaços de soruma e de cigarros.
Aqui é mesmo na Califórnia. Onde anda a nossa autoridade? Aliás, na barraca ao lado, existe um sitio, senta-baixo, onde todos os dias, homens fardados a PRM e arrumados de revolveres, AKM e Chamboco comem chima com carapau frito.
Será que não sabem que estão numa Califórnia, terra sem Lei? Ou eles também são frequentadores daquela barraca abandonada?
Vejam, meus senhores, o que se pode fazer para que as Barracas do antigo mercado dos Belenenses voltem a oferecer ambientes de convívio e de lazer.
Me recordo que nos finais de 2018 um estrangeiro que explorava uma daquelas barracas foi detido pela policia porque para além de vender bebidas alcoólicas, fazia da sua barraca loja de venda e consumo de drogas.
E agora, será que a policia deixou de vigiar aquele recinto, onde jovens estão, cada dia a perder o seu rumo?
Belenenses….. Outrora um nome que emprestava o modelo de bom convívio dos Nampulenses mas que hoje transformou-se numa Babilónia, Texas, Califórnia…. Terra sem Lei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *