CONSUMIDORES DE DROGAS FREQUENTAM MAIS SERVIÇOS DE PSIQUIATRIA E SAÚDE MENTAL

COSUMIDORES DE DROGAS FREQUENTAM MAIS SERVIÇOS DE PSICIATRIA E SAÚDE MENTAL

Por Olga Félix

O consumo nocivo e abusivo de bebidas alcoólicas continua sendo a principal causa de procura dos serviços de psiquiatria e saúde mental devido aos problemas de saúde mental e de comportamento, representando 42% do total de pacientes e em segundo lugar estão as múltiplas substâncias com 30% e em terceiro lugar a cannabis sativa com 19%.

No âmbito das acções de prevenção ao tráfico e consumo ilícito de drogas, o gabinete provincial de prevenção e combate a droga em Nampula mobilizou e enquadrou nos núcleos antidrogas 14760 activistas durante os primeiros 5 meses deste ano. Estes dados foram avançados pela directora do gabinete provincial de combate a droga em Nampula, Isabel Armindo Sanfins por ocasião da semana internacional de luta contra o tráfico e o consumo ilícito de drogas.

Aquela dirigente fez saber que no mesmo período foram proferidas 302 palestras, disseminadas mensagens educativas antidrogas que contaram com mais de 18 mil participantes, foram de igualmente foram constituídos 121 núcleos antidrogas e fiscalizados 63 estabelecimentos hoteleiros e de restauração.

Ainda no período em análise, foram atendidas nos serviços de psiquiatria e saúde mental um total de 280 pacientes com perturbações mentais e de comportamentos decorrentes de consumo de substâncias psicoactivas.

No que diz respeito aos processos crimes relacionados com o tráfico e consumo ilícito de drogas, foram indiciados 11 casos em todas a Província de Janeiro a esta parte sendo todos cidadãos nacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *