Crónica do Dia – OS AMULETOS DO TIO SIVELEQUE

Por Kant de Voronha

O ser humano vive inseguro, aprisionado pelos fantasmas e trancado pelo medo de morrer ou de ser enfeitiçado. É costume ouvir dizer que para o africano tudo tem seu padrinho. Se alguém morre, procura-se quem matou; se alguém adoece procura-se o causador da doença, não interessa o tipo de doença se é cólera, se é malária, se é epilepsia, se é sei lá o quê. Tudo tem seu padrinho.

Ora, no universo desta insegurança alguns tiram partido disso para lograr seus intentos. Apresentam-se como melhores padroeiros. Aqueles que sabem cercar machamba ou residência; dão amuletos com escritas arábicas, para viver longe dos feiticeiros, fantasmas e tudo que é perigoso. Para além disso, dão panelas contendo ossos diversificados e cobras que dão riqueza, facilitam o emprego, aumentam inteligência na escola, para repelir espíritos maus, etc.

Mas eu já ouvi que “ninguém dá o que não tem”. Como resultado das máfias e enganos dos fazedores de amuletos, as vítimas descobrem que afinal o amuleto que usou na cintura ou no pescoço, que guardou na sua cabeceira, na sua bolsa, na gaveta do seu escritório, no meio da sua machamba, em volta do seu quintal não passa de uma cadeia que lhe aprisiona, lhe tira tranquilidade e lhe deixa dependente. Esse amuleto é o tesouro escondido que preenche o seu coração de vazio e desespero. Tudo não passa de engano e ilusão. Vive infeliz porque mesmo com amuleto não alcança o que quer e passa a vida acusando seus vizinhos, amigos e familiares como padrinhos da sua desgraça.

É preciso por isso viver na honestidade e agradecer o pouco que a pessoa ganha diário ou mensalmente. Melhor viver feliz com o pouco que com insónia com muita riqueza de sangue.

Muitos ricos que dependem de cobras e ladroagem não dormem e nem vivem tranquilos. Desconfiam até a própria sombra. Vivem agitados até dentro do próprio coração. A insónia os persegue até ao túmulo. São insaciáveis e infelizes. A nossa segurança está em Deus que criou tudo e nos faz viver. Nada pode acontecer sem a sua vontade. Não perca seu tempo e dinheiro procurando falsos fazedores de amuletos que só querem comprar farinha para matar a fome de sua família. Se ele dá riqueza porque não enriquece? Se dá emprego porque não trabalha? E mais não disse!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *