NOVEMBRO AZUL COM OLHOS AO CANCRO DA PRÓSTATA

NOVEMBRO AZUL COM OLHOS AO CANCRO DA PRÓSTATA

Por Pedro Cusse

O Responsável das doenças transmissíveis na DPS, Alves Simão, observou que os casos de cancro da próstata reduziram em 70 porcento do ano passado a esta parte em Nampula.

As estimativas apontam para 9 casos confirmados de cancro de próstata nos 12 meses do ano passado contra 2 registados nos 9 meses deste ano.

Alves Simão disse que a falta de técnicos especializados faz com que o rastreio, diagnóstico e tratamento da doença seja retardado.

A nossa fonte recordou que no nosso País, existem apenas 4 hospitais que prestam atendimento do cancro da Próstata.

O Cancro de próstata é um tumor que afecta a próstata, uma glândula localizada abaixo da bexiga e que envolve a uretra e o canal que liga a bexiga ao orifício externo do órgão genital masculino.

Este tipo de cancro afecta na sua maioria homens com idades entre 40 a 70 anos de idade.

Embora este cancro seja bastante comum na comunidade masculina em Nampula, a enfermidade é completamente desconhecida.

Com o objectivo de conscientizar a população masculina, sobre os riscos do cancro da próstata, as formas de prevenção e as maneiras de diagnosticar a doença, surgiu o movimento internacional NOVEMBRO AZUL. Onde durante 30 dias, são realizadas campanhas de esclarecimento sobre a doença.

Para este ano a disseminação de mensagens de conscientização junto das comunidades no sentido de optarem pelas medidas de prevenção, constituirão pano de fundo, numa altura em que segundo a nossa fonte, o nosso sistema de saúde tem pouco a dar nessa matéria.

A data foi comemorada inicialmente em 17 de Novembro, na Austrália, em 2003, que ficou baptizado como dia mundial de combate ao câncer de próstata.

A alimentação e a inactividade física são apontados como sendo factores de risco associados ao cancro da próstata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *