RASTREIO DO CANCRO DA MAMA

Sector de saúde insta as mulheres com idade fértil a fazerem o rastreio do Cancro da mama.

500 a 1000 mulheres morrem anualmente vitimas de cancro da mama  na província de Nampula, e o sector da saúde mostra se preocupado com esta situação.

A informação foi revelada pela médica chefe do distrito de Nampula Minakumary Pratapsinh por ocasião da celebração, hoje, do dia mundial de cancro da mama.

A nossa fonte disse que a situação do cancro da mama nos últimos tempos tem sido preocupante, visto que há uma tendência de aumento de casos e regista uma evolução de mulheres com idade fértil.

O Sector da saúde segundo Minakumary, tem vindo a fazer trabalhos de sensibilização envolvendo as matronas, no sentido de as mulheres dirigirem-se as unidades sanitárias para o rastreio do cancro da mama e aderirem ao tratamento.

Em 2017, mais de 55 mil 527 casos de cancro do colo de útero, deram entrada nas unidades sanitárias da Província de Nampula, dessas mil e 67 tinham lesão de cancro – explicou a Médica chefe distrital de Nampula.

O dia mundial do cancro da mama celebra-se sob lema – Saiba mais sobre cancro da mama. Faça o exame e previna-se do cancro da mama.

Alusivo a esta data o sector da saúde realizou uma feira onde foram disponibilizados vários serviços de saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *